quarta-feira, 19 de julho de 2017

Um Pouco sobre a Viagem - Colonia Del Sacramento

Olha eu aqui de novo! Já se passaram 4 meses desde que tirei férias, e quase ia descumprir minha promessa de falar sobre a viagem para a Argentina. Esqueci a câmera com as fotos dos primeiros dias da viagem no hotel de Colonia del Sacramento, e já não tinha mais os registros pra compartilhar com vocês, por isso fiquei meio xoxa pra fazer qualquer post.

Maaaas ainda tenho muitas fotos feitas com o celular, então decidi mostrar os pontos que mais gostei, me desculpem apenas por não me aprofundar tanto nos valores dos passeios ou detalhes, já esqueci a maioria das coisas, tenho memória de peixe!

E já que a câmera foi esquecida em Colonia, nada melhor do que começar com nosso passeio nessa cidadezinha maravilhosa. O que mais me encantou assim que cheguei, foram as ruas da cidade. A maioria na região próxima ao Rio da Prata e do hotel que ficamos, eram bem arborizadas e calminhas, os carros param assim que um pedestre pisa na faixa pra atravessar.


Fomos até lá partindo de Buenos Aires (Puerto Madero) em um Buquebus, meu marido já tinha feito essa viagem e disse que na primeira vez pagou super barato, mas dessa vez o preço foi bem salgado, não sabemos por que mudou tanto o valor ou se simplesmente escolhemos a opção errada, mas no site era a única, compramos ainda no Brasil. O Buquebus é uma espécie de barco, você pode escolher ficar junto com o povão, não tem lugares marcados, ou numa área mais VIP pagando mais caro. O trajeto leva quase 2 horas, acho que até menos.

Um Buquebus chegando em Colonia
O legal de Colonia é que você pode alugar carrinhos, tipo aqueles de golf, para passear por aí. Como já tínhamos gastado bastante optamos por não alugar e nos arrependemos, andamos bastante e não é em todo lugar que você acha um táxi por lá, e com nosso portunhol nem sempre era fácil fazer alguém nos entender.

Falando em táxi, a hospitalidade dos uruguaios me chamou muito a atenção também. Você sai do agito de uma cidade grande como Buenos Aires, que não é um lugar tão acolhedor, e chega numa cidade pequena, me fez lembrar Paraty, e se sente abraçado. Fomos ao shopping/mercado comprar algumas coisas e não achamos lugar para chamar um táxi e quando pedimos informação pra uma senhora, ela pegou o celular e chamou um táxi pra gente, sem que pedíssemos nada. Numa loja o vendedor tentou a máximo falar em português pra nos atender, coisa que dificilmente um argentino irá fazer. Em todos os lugares fomos muito bem atendidos, talvez por já ter sido uma colônia portuguesa nos sentimos tão em casa assim...rsrsrs

Visitamos os pontos turísticos que beiravam o Rio da Prata, subimos no farol, almoçamos uma comidinha deliciosa e tinha arroz (!), sentamos nos banquinhos e tomamos sol olhando o rio, a noite jantamos uma deliciosa macarronada e tomamos vinho...me apaixonei por Colonia!

Fomos no Domingo (19/03) e voltamos no dia seguinte. Na Segunda muitos pontos turísticos fecham, queria ter ido ao museu paleontológico mas demos de cara na porta tem também um lugar (esqueci o nome agora) onde se faziam touradas que estava fechado para obras. Ficamos em um hotel muito delícia, apesar de simples (Hotel Beltran).

Rio da Prata

Toamando um solzinho

Calle de los Suspiros



A ventania no Farol


Amorzão

Adicionar legenda




Beijos e até a próxima!

quinta-feira, 1 de junho de 2017

Eu Voltei!

E depois de longos três meses cá estou eu na maior cara lavada. Gente, as vezes me pergunto se era tão difícil viver quando meus pais tinham a minha idade.
 Casa, trabalho, faculdade, preocupações...acho que já preciso de férias de novo. Eu sempre brinco que em uma fase da vida reclamei tanto de não fazer nada, ficar sempre em casa, que fui atendida. Hoje só paro quando tô dormindo mesmo.
 Tinha prometido contar um pouco sobre a viagem pra Argentina, mas aconteceu algo um pouco chato, esqueci a câmera fotográfica no hotel do Uruguai, e até hoje estou na saga pra trazer ela de volta pro Brasil, e o ruim é que não tenho as fotos dos primeiros dias pra  fazer os posts, de cabeça não lembro mais tudo o que fizemos lá, sou dessas sem memória....rsrsrs.
  Mas foi tudo mundo bom, ao mesmo tempo que dá uma saudade de casa, você quer ficar um pouco mais, ver o que não viu e voltar nos lugares que gostou mais. Viajar é tudo de bom!
 Não vou prometer voltar tão rápido dessa vez, porque sempre que faço isso demoro meses, mas vou pensar em como falar um pouco da viagem, pelo menos as coisas que gostei. Então, até logo!

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Vamos Viajar - Passagens e Hotel

Bom dia pessoal!

Minha semana tá super corrida, comecei na segunda o CFC e espero estar com a minha carta logo!

E com essa correria toda, não consigo parar de pensar nas minhas queridas férias em Março...hahaha

Prometi voltar para contar um pouco como foi a compra  das passagens e reserva do hotel. Não queríamos e nem podíamos gastar muito, então como disse, fizemos um "bem bolado" para comprar tudo.

- Passagens aéreas:  foi o que mais deu trabalho. O cartão de crédito do meu marido acumula pontos, que podíamos transferir para o programa Multiplus e com a quantidade que tínhamos podíamos resgatar pelo menos duas passagens (classe econômica) pela Latam. Ligamos na operadora do cartão e em um dia os pontos estavam lá, 18.600, sendo que cada passagem para os dias que queríamos estava por 8.000 pontos.
 Começamos a pesquisar então os valores das duas passagens que não tínhamos, mas tanto a ida como a volta estavam caríssimas, entre R$ 1500 a 2800 reais.
 Tivemos então outra grande ideia, utilizar os pontos do programa KM de Vantagens, dos postos Ipiranga, pra conseguir mais pontos para o Multiplus. A diferença é que o KM de Vantagens "vende" esses pontos, você precisa ter uma quantidade de KM no programa e ainda pagar uma taxa adicional, que é cara, mas bem menor que o valor que pagaríamos nas passagens. No nosso caso foram 4000 KM do programa + R$ 600 reais por 20.000 pontos Multiplus.
 O problema é que eles não transferiram tão rápido como foi o do cartão de crédito, levou quase uma semana, e a pessoa aqui ficou desesperada porque começou a aumentar a quantidade de pontos das passagens da volta, de 8.000 para 9.000. Comecei a achar que ia aumentar mais, e não ia adiantar nada os pontos comprados.
 Mas enfim caiu, e os pontos das passagens já tinham subido um pouco mais, para ida não tinha mais opções de voo até o Aeroparque (ARG), apenas para o aeroporto de Ezeiza, mas deu pra trocar. Foram 9.000 pts para cada passagem de ida e 10.000 pts para cada da volta, somando 38.000 pts, quase no limite.

- Hotel: meu marido queria um quarto bem simples, porque numa viagem assim passamos mais tempo andando e conhecendo a cidade, do que no hotel. Eu concordo com ele, mas queria um quarto que demonstrasse o mínimo de conforto e fosse "bonitinho"...rsrsrs.
 Entramos no Booking e depois de muita pesquisa chegamos até a reservar um quarto, mas queríamos começar a pagar logo essas despesas de viagem, o que o site não permite para viagens no exterior, pelo menos não pra Argentina. Eles apenas fazem a reserva e passam o valor aproximado, você só vai pagar as diárias direto no hotel, o que pode gerar outras taxas.
 Então entramos no Trivago e começamos a procurar outro, o bom é que eles indicam vários sites para o mesmo quarto, e ficou mais fácil. Os sites da Decolar.com e Hoteis.com têm a opção de começar a pagar no momento da compra, com as taxas já inclusas.
 Por fim escolhermos um quarto no Gran Hotel Argentino pela localização, fica bem pertinho da avenida 9 de Julio, e também tinha descontos com o cartão de crédito (uma dica boa é sempre olhar os benefícios que seu cartão de crédito dá, fiquei surpresa com as opções, vai de desconto em restaurantes e cinema à viagens e passeios). O valor das diárias somaram R$ 876,26, as taxas foram de R$ 210,98, o desconto foi de R$ 87,63, somando assim R$ 999, 61.

Imagem Hoteis.com


Nossa viagem será entre os dias 15 à 21 de Março, sairemos do aeroporto de Guarulhos rumo ao aeroporto ministro Pistarini (Ezeiza), a volta será pelo Jorge Newbery (aeroparque).

Quero mostrar o máximo por aqui, já estou pesquisando os passeios e tudo o que vamos fazer por lá. Pretendemos ir também para Colonia Del Sacramento, no Uruguai , meu marido já foi e disse que é uma cidadezinha bonita e boa para passear em casal.

Espero que tenham gostado, até a próxima,

Beijos

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

Vamos Viajar!

Oi pessoal, tudo bem com vocês?

Como eu havia dito em um dos posts anteriores, estávamos (meu marido e eu) programando uma viagem nas minhas férias que será em Março.

Eu amo viajar (quem não ama?), mas não fiz muito isso nos meus 27 anos de vida, só saí uma vez do estado de São Paulo na minha lua de mel, que fomos para Foz do Iguaçu no Paraná.
Quando meu marido falou pra pesquisar um lugar pra gente passar uns dias eu pirei, logo já entrei no Booking e comecei a procurar lugares no nordeste e sul. Já tinha me apaixonado por uma pousadinha na Costa do Sauípe pra ficar 5 dias, quando um amigo começou a lembrar de uma viagem para Buenos Aires que fez com meu marido e outros amigos antes de me conhecerem.
Conversa vai, conversa vem e ele perguntou: Por que vocês não vão pra Buenos Aires?
Realmente, por que não, né? Essa era a nossa vontade na lua de mel, só não fomos porque não consegui muitos dias de licença. Então na hora decidimos que esse seria o destino.

Imagem Google

Depois começou a saga para comprar as passagens e reservar o hotel, foi o bem bolado mais bem bolado que fizemos, mas pra viajar vale a pena.

Pra esse post não ficar muito longo vou deixar pra contar numa próxima vez essa história.

Falta um pouco mais de um mês pra viagem e eu já estou super ansiosa, e vocês gostam de viajar? Qual seu destino dos sonhos?

Beijos e até mais!

sábado, 28 de janeiro de 2017

Limpando Bijuterias Escurecidas

Boa noite pessoal, tudo bem?

Noite de sábado animada pra sair e se divertir...#SQN 😂

Sempre que fico sozinha caço coisas pra fazer ou tento lembrar de coisas que queria testar. E hoje lembrei dos meus brincos.
 Usar brincos pra mim é a coisa mais natural do mundo, tanto que uso o tempo todo - durmo, tomo banho, ando pra cima e pra baixo - e eles acabam oxidando facilmente, ficam verdes e deixam até as orelhas verdes.
 Lógico que nós mulheres gostaríamos de usar apenas jóias, mas isso não é possível para todas (pelo menos não pra mim), e as bijus são ótimas e lindas opções, então pesquisei sobre como limpá-las...e não é que limpou mesmo?

Tudo o que precisamos são:

- creme dental
- uma pano seco ou escovinha





É só lambuzar toda a bijuteria, não precisa deixar por bastante tempo, depois é só retirar com a ajuda de um pano seco ou escovinha, como se estivesse lustrando. Cuidado apenas com as correntes/colares que podem se romper.

Para os brincos que são menores e cheios de detalhes foi melhor a escova, pra corrente o pano foi maravilhoso e ainda deu um brilho, na pulseira do relogio usei pano e escova.

Lambuzadinhos

Brilhando
Infelizmente uso a câmera do celular, e ela não é fiel em mostrar em como o resultado é bom mesmo, e deixa tudo brilhando limpinho.

Espero que gostem da dica e façam seus próprios testes.

Beijos e até a próxima 💙

terça-feira, 10 de janeiro de 2017

Tamo aí na atividade!

Quanto tempo! Achei que não conseguiria voltar aqui pra dar um oi. É muito comum eu falar isso, mas a vida tá corrida. Com a faculdade, que é EAD, tento não me distrair entrando em outros sites quando estou no PC, e aqui acabou ficando esquecido. Mas aproveitando as férias resolvi dar uma passadinha por aqui, tirar o pó, dar uma geral...rsrsrs.
 Estou com vontade de escrever também, o que é uma boa oportunidade pra voltar com tudo, estamos planejando uma viagem, quero buscar novas dicas e dividir um pouco dos meus dias.

É isso...aguardamos as cenas dos próximos capítulos.


segunda-feira, 19 de outubro de 2015

Porta Temperos Magnético

Olá pessoal!
Hoje quero dar uma dica rápida de um produto que comprei e amei!
Minha cozinha é americana e extremamente pequena, e depois de um tempo que eu e meu marido nos mudamos queríamos comprar um porta temperos para por próximo a pia, mas todos eram grandes demais, e ocupariam espaço demais. Esquecemos o assunto e, mais de um ano depois estava eu vasculhando sites de coisas pra casa, quando me deparo com essa belezinha - um porta temperos magnético - ele pode ser parafusado na parede, ou fixado na geladeira como fizemos, e pra nós é muito prático. Antes guardava todos os temperos na geladeira, agora fica tudo mais prático e próximo quando estamos cozinhando.
Comprei o meu no site do Extra e o preço foi meio salgado, mas vale a pena pesquisar por mais baratos.
Espero que gostem da dica, beijos!